Connect with us

Artigos

Como implantar a cobrança recorrente de forma sustentável

Published

on

cobranca recorrente pagamento

Não é segredo para ninguém: manter um cliente é muito mais barato (e fácil) do que conquistar um novo. Mas manter um consumidor fiel requer muito cuidado e dedicação. E para uma empresa de cobrança recorrente, isso vale o dobro.

Uma estratégia eficaz para conseguir esse resultado consiste em adotar o sistema de cobrança recorrente. Não é a toa que, em 2013, o mercado de assinaturas cresceu 219% no Brasil, segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs).

Nesse sistema, a fidelização acontece de maneira quase automática, pois, em vez de pagar uma única vez por um produto ou serviço, o cliente passa a consumi-lo mensalmente pagando uma assinatura. Claro que, para isso, ele precisa estar satisfeito com o que está recebendo.

Como implantar a cobrança recorrente de forma sustentável

Se você se interessou em sair do modelo de tradicional de vendas para o de pagamentos recorrentes, vale a pena ler as dicas abaixo para evitar problemas na transição. Sem cautela nessas etapas, o jogo pode virar e você pode acabar afastando clientes em vez de fideliza-los. Portanto, preste atenção nesses pontos:

Planejamento

Nenhuma estratégia funciona sem um bom plano de ações. A primeira etapa é analisar se o modelo de pagamento recorrente é realmente viável para a sua empresa.

Não se pode decidir entrar em um mercado só porque ele está na “em alta”. Aproveitar a tendência da vez é importante, sim, mas só se fizer sentido para o seu negócio. Uma agência de viagens, por exemplo, vai ter bastante dificuldade para encontrar uma oferta em modelo de recorrência.

Não é sempre que o consumidor pode viajar e o setor de turismo tem uma oscilação grande de valores, o que torna difícil para uma agência fixar o preço de uma assinatura e entregar todo mês um pacote com a mesma qualidade ao cliente.

Portanto, não dá para simplesmente ingressar no mercado do dia para a noite, sem planejamento detalhado, qualquer que seja o seu ramo de atuação.

Certifique-se que você vai construir algo que vá ao encontro do interesses do seu mercado. Levante questões e soluções que o seu serviço pode trazer. Faça pesquisas de mercado. Se coloque no lugar do público-alvo e veja se o modelo é realmente viável.

Mudança consciente e gradual

Não dá para mudar do dia para noite, sem nem avisar o seu cliente. Ele se sentirá desrespeitado. Comunique seus planos com antecedência e assegure-se que essa transição não terá influencia negativa na qualidade dos produtos e serviços ou no relacionamento com os consumidores.

Tenha em mente que vai ser necessário um período de adaptação para os clientes. O consumidor tem que absorver a ideia, entender as vantagens e optar pela adoção. Considere trabalhar com o modelo tradicional, em paralelo, durante um período de testes. Se possível, deixe que o cliente decida se ele quer ou não mudar para o novo modelo de contratação.

Veja, por exemplo, a Adobe. Com o serviço de assinatura relativamente novo na empresa, eles disponibilizam, também, o modelo tradicional de compra de licença do software. Isso pode significar que o modelo tradicional vai ser extinto no futuro ou, ao contrário, a empresa pode descobrir que o melhor é manter os dois modelos. De maneira semelhante, você precisa descobrir qual é o melhor método para o seu negócio e incluindo os clientes nessa decisão.

Suporte para sistema de cobrança recorrente

É fundamental, no modelo de pagamento recorrente, contar com um software de cobrança eficiente. Quando uma empresa passa a trabalhar com pagamentos recorrentes, ela precisa ter mais agilidade para lidar com a rotatividade esperada no modelo. É preciso ter um controle sobre cada contrato e automatizar ao máximo o processo de cobrança e baixas para não sobrecarregar a área financeira.

Mas não basta pagar pela ferramenta e pronto. É fundamental ter uma parceiro capaz de entender seus processos de negócio e ajudá-lo a implementar o sistema de uma forma que não seja traumática para o seu time e que não comprometa o andamento da empresa no dia a dia. 

Vindi tem uma equipe especializada, que acompanha seus clientes durante todo o processo de migração e oferece suporte à questões fiscais, técnicas e dúvidas que são comuns aos novatos no sistema. Afinal, adotar um novo sistema de cobrança deve ser um processo sem traumas para sua empresa e, principalmente, para os seus clientes.

cobranca recorrente

 

Continue Reading
Click to comment

Artigos

Guerra das assinaturas à vista! Disney, Netflix e Amazon vão travar uma batalha.

Published

on

netflix guerra

Não é de hoje que Netflix e Amazon (com o Prime) brigam pela maior fatia de produtos recorrentes dentro de seus ecossistemas. Mas, segundo reportagens de CB Insights e outros veículos, a guerra da cobrança recorrente será travada numa tríade: Netflix, Amazon e…Disney.

A guerra das assinaturas

A “subscription war” é iminente. Com a Disney comprando todas produtoras e marcas famosas, ela tem um canhão para trazer muita receita recorrente para dentro do grupo. A Marvel, Star Wars e o universo Pixar (todas adquiridas pela Disney) podem ser grandes catapultas para o serviço de assinaturas que a empresa vem planejando distribuir no mundo.

Com mais de 100 milhões de assinantes no mundo, Netflix pode ter um gigante de peso à vista. Primeiro, porque a Disney tem um universo próprio de títulos, séries e marcas. Segundo, que pode dificultar (e muito) a distribuição de produtos Disney dentro de Netflix e Amazon.

A briga entre Amazon, Netflix e Disney ainda pode ter um ambiente ainda mais hostil, com Youtube e Spotify apostando em formatos de streaming e vídeos por assinatura. O nome do serviço da Disney? Disney Life.

Vem bastante coisa pela frente.

Continue Reading

Artigos

Todas empresas procuram a tão desejada receita recorrente!

Published

on

receita recorrente

Ter uma receita recorrente dentro de casa é o sonho de todos empreendedores e empresas. Ter uma receita garantida (ou previsível) é a busca de 10 em cada 10 empresas. Mas como as empresas que encontram esse modelo, conseguem viabilizar isso?

A receita recorrente nada mais é do que vender e faturar através de planos, mensalidades, assinaturas e compras recorrentes. Mais quais os principais desafios para se montar um negócio desses, de forma simples?

Faturamento previsível e receita recorrente

Diante de tanta concorrência, momentos econômicos instáveis e mudança de perfil dos consumidores, a grande busca das empresas é continuar sobrevivendo num ambiente de alta competitividade. Mercados como o dos americanos, chineses e alguns europeus (mais maduros que o nosso) também lutam para encontrar esse estágio, porém em complexidades menores, em termos de infraestrutura e capital.

Os principais desafios encontrados por empresas em construir uma receita recorrente são:

  • Produto/serviço não aderente (não tem características de serem de consumo recorrente);
  • Logística (o Brasil tem grande gargalo para negócios recorrentes de produto);
  • Economia (momentos instáveis impactam no poder de consumo da população);
  • Modelo de aquisição de cliente frágil (tem que ser escalável);
  • Capital (ou falta dele).

Conhecemos muito desafios, mas esses são sem dúvida, os principais para ter um negócio altamente escalável e de receita recorrente sustentável. No Brasil, com ambientes de concentração, oligopólios e desafios como esses, alguns players conseguem liderar mercados usando a receita recorrente para sobreviver melhor crises financeiras, planos econômicos e problemas de gestão.

Ter uma receita recorrente é sonho para alguns, mas realidade para muitos outros. Exemplos de empresas que faturam e consegue criar uma estratégia de sustentabilidade do faturamento com cobrança recorrente:

  • Totvs;
  • Movile;
  • Apple;
  • Google;
  • Amazon:
  • Bluefit:
  • Empiricus;
  • Playkids;
  • TagLivros;
  • Sem Parar;
  • Resultados Digitais;
  • Neoway
  • Entre outros grandes cases.

Vale conhecer e estudar os modelos existentes em diversos segmentos no país.

Quer aprender a ter uma receita recorrente? Participe do evento “Recorrência“.

recorrencia

Continue Reading

Artigos

SaaS, recorrência e receita previsível em vídeo da Alura

Published

on

saas recorrencia

A Vindi foi convidada pela Alura para falar de SaaS, recorrência e receita previsível, o tema preferido das empresas recorrentes.

O vídeo de 9 minutos ficou bem legal. São 9 minutos didáticos sobre os modelos recorrentes que empresas de software, aplicativos e clubes usam para crescer.

Continue Reading

Avalie sua empresa

cobranca recorrente

Trending