Connect with us

Notícias

Amazon Prime chega ao Brasil

Published

on

amazon prime logo png 31202

Presente em 18 países, a Amazon Prime chega ao Brasil nesta terça-feira, dia 10. Somos o primeiro país da América do Sul a receber o serviço da gigante.

Em 2012, quando iniciou as operações no Brasil, o capital social da Amazon era de 5 milhões de reais. Hoje, o valor é de R$ 800 milhões. A empresa não revela o objetivo financeiro para o mercado de assinatura no país, mas, como já é tendência, grandes empresas estão reformulando o seu modelo de negócios para o pagamento recorrente.

Amazon Prime

De graça nos 30 primeiros dias para novos assinantes (algumas pessoas assinavam o da gringa) e com uma assinatura mensal de R$ 9,90, o serviço oferece muito mais do que apenas frete grátis.

O assinante terá, além do frete grátis em milhares de produtos, os seguintes serviços de streaming:

Prime Vídeo – o serviço de streaming de filmes e séries é um forte concorrente da Netflix. O assinante pode assistir na TV, smartphone, tablet ou computador e baixar os episódios para assistir offline.

Prime Music – concorrente do Spotify, o streaming de música oferece mais de 2 milhões de músicas.

Prime Reading – diversos e-books e revistas disponibilizados de forma rotativa para ler no Kindle, smartphones e computador.

Concorrência

A Amazon Prime não veio só para competir com Netflix e Spotify. Mas entra na briga também com a Americanas Prime, Submarino e Shoptime, serviços da B2W e com o Mercado de Pontos do Mercado Livre.

Mas as vantagens sobre a concorrência são muitas. A Americanas oferece apenas o frete grátis em produtos selecionados no Sul e Sudeste do país. Já o Mercado de Pontos oferece frete grátis mediante ao acúmulo de pontos feito em cada compra.

No primeiro dia do lançamento, varejistas já perderam R$ 5 bilhões em ações na B3. A Magazine Luiza foi a empresa que mais teve queda em suas ações, com 4,97%, em seguida vem a B2W com 4,83%, Via Varejo com uma queda de 3,28% e, por último, Lojas Americanas com 3,2%.

O combo da Amazon tem potencial para ser um dos maiores serviços de assinatura do país, pois reúne vários diferenciais. Nos EUA, um cliente Prime consome, em média, US$ 1.400 no ano, já o cliente pontual gasta cerca de US$ 600. A fidelização do cliente é uma das grandes vantagens de lançar um negócio por assinatura.

Cases da Recorrência

Cobranças recorrentes na Amazon chegam ao Brasil com descontos para assinantes

Published

on

cobrancas recorrentes na amazon

Com o sucesso das assinaturas Prime, as cobranças recorrentes na Amazon no Brasil continuam como modelo de negócio da empresa.

Dessa forma, o Programe e Poupe funcionará como um agendamento de entregas de produtos que são de consumo recorrente, dando várias vantagens como frete gratuito, descontos e programação de entrega.

A ideia central do modelo lançado pela Amazon faz parte da Economia da Recorrência, onde você assina produtos e serviços de forma automática e periódica.

Portanto, se você utilizava o site da Amazon para comprar produtos de higiene básica mensalmente, por exemplo, agora poderá se beneficiar com descontos e agendamentos.

Como funcionarão as cobranças recorrentes na Amazon

O Programe e Poupe da Amazon funcionará com agendamentos de entregas periódicas, mensais e até mesmo semestrais. Além disso, os clientes receberão 10% de desconto nos produtos selecionados e conseguirão frete gratuito a partir da segunda entrega.

No entanto, o cancelamento dessa assinatura poderá ser realizado a qualquer momento. Além disso, um e-mail será enviado por parte da Amazon antes de cada cobrança ser realizada no cartão de crédito cadastrado.

Em entrevista à Exame, Melina Ioshii, líder da categoria de consumíveis da Amazon, explicou o objetivo da ação:

“Nosso objetivo é cuidar da parte operacional, tirar a preocupação dos clientes, para que eles possam aproveitar melhor o tempo que têm em casa.”

Dessa forma, nos próximos dias, o público terá acesso a marcas como Pampers, Lysoform, L’Oreal, Veja, Nestlé, Hills, Procter & Gamble e Reckitt Benckiser.

A expectativa da Amazon é que esse novo programa garanta mais previsibilidade de receita à companhia, além de outras vantagens que só o modelo de negócio recorrente consegue oferecer.

Se você quer saber mais sobre como a Economia da Recorrência está mudando o comportamento do consumidor e o modelo de negócio de empresas pelo mundo todo, clique aqui e descubra agora mesmo.

Continue Reading

Notícias

Assinaturas no Facebook prometem atrair criadores de conteúdo

Published

on

assinaturas no facebook

Agora não é só o Youtube que está nos moldes de assinatura e da recorrência, porque as assinaturas no Facebook entraram no jogo! Recentemente, um anúncio feito por Mark Zuckerberg confirmou que essa ferramenta chegará no Brasil.

Dessa forma, as funcionalidades que antes eram um privilégio de quem estava no Reino Unido e nos EUA,  poderão ser acessadas em solo brasileiro também. Essa notícia, no meio da crise provocada pela COVID-19, promete movimentar o mercado

O que podemos esperar do pagamento recorrente no Facebook é um grande investimento para criadores de conteúdo, que poderão finalmente monetizar páginas e ter acesso a recursos de interação e métricas que antes não eram disponibilizadas.

No entanto, existem algumas condições para que uma página consiga aderir a esse modelo de assinaturas para fãs:

  • Ter, no mínimo, 10 mil fãs na página;
  • Receber mais de 250 visitas recorrentes mensais;
  • Ter 50 mil postagens com algum engajamento;
  •  Ou mais de 180 mil minutos assistidos em vídeo nos últimos 60 dias.

Além disso, o Facebook também anunciou que ficará com 30% do valor das assinaturas de cada página, deixando os outros 70% para o proprietário da página.

Aqui no Brasil, a ferramenta que ainda está em fase de testes custará R$ 9,90 por mês, e os fãs que assinarem o conteúdo daquela página poderão conquistar o selo de apoiador e ter vantagens que outros visualizadores nas páginas não possuem.

Quer conhecer mais sobre o Pagamento Recorrente e como ele está mudando o mercado e atraindo até mesmo as redes sociais? Então, clique aqui agora mesmo e descubra!

Continue Reading

Notícias

Zoom atinge a marca de 300 milhões de assinantes e ações crescem

Published

on

exemplo de reunião de acontece na plataforma zoom

Um dos maiores cases tech do ano, sem dúvidas, é a plataforma Zoom. Na semana passada, a empresa divulgou o balanço do primeiro trimestre, e o resultado financeiro foi surpreendente.

No começo do ano, era possível comprar uma ação da Zoom por US$ 68,72. Hoje, as ações estão US$ 208 e subindo, uma alta de mais de 200% ao mês.

Da mesma forma, quando o assunto é lucro, o aumento foi ainda mais surpreendente: 1000% considerando o mesmo período do ano passado.

A receita da Zoom pulou de US$ 122 milhões para US$ 324 milhões no trimestre, e hoje a marca já conta com mais de 300 milhões de usuários ativos. Há 10 meses, a plataforma tinha apenas 10 milhões.

Além disso, nos últimos três meses, o site da marca virou o 14º mais visitado nos EUA e o 21º no mundo, com quase 2 bilhões de pageviews. Hoje, estima-se que mais de 100.000 escolas pelo mundo estão usando a plataforma nas aulas online.

No final do mês de maio, a Zoom valia mais que as sete maiores companhias aéreas do mundo juntas. Seu valor de mercado, no mês, fechou em US$ 49 bilhões.

Ligar o Zoom já faz parte da realidade de muita gente, e o crescimento da empresa continua deixando o mercado impressionado. Portanto, eles fazem parte do grupo que utiliza a Economia da Recorrência para alcançar resultados financeiros escaláveis e sustentáveis.

O mesmo está acontecendo com a YVY, empresa genuinamente brasileira, que está se destacando apesar da crise. Dessa forma, fazer a associação entre inovação, transformação digital e recorrência é cada vez mais necessário!

Quer saber mais sobre como empresas recorrentes são mais resilientes em tempos de crise e incertezas econômicas? Então, clique aqui e descubra agora mesmo.

Continue Reading

Conheça a Vindi

cobranca recorrente

cobrança reccorente

Trending